Sobre

Bella Prudencio nasceu em Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro.

Nasceu bem no primeiro dia da primavera daquele ano: 23 de setembro. Libriana, signo solar que segundo a astrologia lhe conferiu paixão por artes e beleza, com ascendente em Capricórnio, que além da cara de sisuda para desconhecidos lhe deu capacidade de trabalhar para alcançar seus objetivos e lua em Câncer, que promoveu toda a emoção necessária para um poeta.

Sempre foi metida com coisa diferente, já fez balé, cursinho de modelo, cursinho de pintura, aula de violão e guitarra e foi terminar sendo boa em algo que não se ensina em aulinhas: escrever.

Bella tinha tudo para ser uma garota comum, mas não se contentava com pouca coisa, resolveu fazer diferente.

Vítima de bullying e ignorada pelos coleguinhas de escola, com sete anos ela foi encontrar abrigo na biblioteca da escola. Passava horas e horas lendo os livrinhos da sessão infantil, mas foi com 9 anos que ela se rendeu de vez a leitura. Leu “O Santinho” de Luiz Fernando Veríssimo e percebeu que não conseguiria parar nem tão cedo.

Foi nessa idade que ela começou a escrever seus primeiros rabiscos, apaixonada por Harry Potter (apesar de nunca ter lido os livros até então), W.I.T.C.H., Winx e qualquer outra coisa com magia no meio, ela começou a fazer pequenos protótipos de romances. Sua primeira história finalizada tinha (pasmem) três páginas!

Porém foi aos 11 anos que as coisas começaram a mudar, na época ainda orfã de Rebelde, ela começou a escrever “web novelas” e foi aí que começou a tomar gosto, mas tudo só engrenou mesmo aos 14 anos quando escreveu sua primeira fanfic. Kiss My Lips contava a história de uma garota boazinha que se apaixonou por um bandido disfarçado de estudante de ensino médio.

No Ensino Médio passou a escrever poesias e crônicas, tanto que em 2013 (segundo ano) esteve em segundo lugar do concurso de poesias da escola e em 2014 (terceiro ano) foi a vencedora, pegou gosto e levou a mesma obra pro concurso de poesias estudantil municipal no mesmo ano e venci também, o prêmio foi um notebook que me incentivou a escrever ainda mais.

Inclusive ela tem um blog (meio médio, meio merda) onde eu posta suas poesias (clique aqui para conferir).

Ainda em 2014 começou a escrever Sebastian, de início era uma fanfic do ator Sebastian Stan postada no tumblr, porém no final daquele mesmo ano trocou o “Stan” por “Cernat” e transformou a história num romance que começou a ser postado no Wattpad. Escreveu e “largou” no site esquecido por quase um mês, quando voltou  eu tinha mais de mil visualizações. Se empolgou e passou a se dedicar ao Wattpad, o resultado foi uma história com mais de 50 mil visualizações.

Mais tarde publicou Sebastian na Amazon e ficou nos mais vendidos duas vezes! (E agora nos mais vendidos do Google e no Kobo, só amor!)

Depois disso, voltou para o Wattpad, depois de ter perdido sua primeira conta num ataque hacker, disposta a se reinventar. Sucesso! Começou um novo romance, já em 2015, O Pecador e no início de 2016 começou a reescrever seu romance 505.

505, no entanto foi um romance que eu começou a escrever em 2014, baseado num conto com o mesmo nome escrito em 2o12. Tantos anos de preparação renderam bons resultados, os funcionários do Wattpad leram a história, adoraram e deram Destaque no site, o que fez sua mísera conta com 250 seguidores crescer para 23 mil em apenas alguns meses. 505 já bateu a marca de meio milhão de visualizações e todos os dias recebe milhares de novos leitores que juram se apaixonar pela história.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s